O Maracanã agora é de todos?

12/04/2019

O Maracanã agora é de todos?

Vasco protesta contra a concessão do Maracanã ao Flamengo

 Fala Rapaziada beleza? Às vésperas das Finais do campeonato Carioca entre Flamengo e Vasco, os bastidores já estão pegando fogo com a retaliação do Vasco pela concessão da administração do Maracanã do Governo do Rio de Janeiro. A pergunta que fica é… O Maracanã realmente é de todos?

O quase sessentão Maracanã, palco de grandes momentos do esporte p assou por uma reforma para Copa de 2014 para ficar no “padrão” FIFA e acabou sendo repassado por uma famosa empresa de engenharia que ao assumir deu a entender que a ultima coisa que eles queriam no estádio seria futebol. Com taxas altíssimas, o grupo deixava entender que faturavam mais com shows e festas do que com jogos. Porém, o torcedor carioca gosta é de praia, sol, Maracanã e Futebol como já dizia o grande swingueiro Bebeto e nos grandes jogos lotavam as arquibancadas! Pena que os clubes sofriam prejuízos mesmo com a arquibancada cheia. Aos poucos a “dona” do Maracanã foi deixando o seu majestoso filho de lado…Gramado horrível, velhos problemas estruturais reaparecendo e as taxas cada vez mais alta. Com o novo governo, houve a retomada do estádio e apareceu o interesse da Dupla Fla-Flu em administrar o local e aí foi que uma briga começou…

O Vasco demonstrou interesse também em administrar o estádio em conjunto com os clubes, pois entende que o Maracanã é do povo carioca entrou com uma ação popular para melar o acordo. Todavia, independente de quem o administrar, o “Maraca” sempre será do Povo e a dupla Fla-Flu entende que este processo movido pelo clube da colina seria uma retaliação pelos últimos acontecimentos que esquentaram ainda mais a rivalidade entre eles. Seja pela briga pelo lado direito do estádio com o Fluminense ou pela eterna rivalidade com o Flamengo e vendo que com a concessão, acabaria a eterna galhofa do clube sem estádio.

A grande questão é… O Maracanã era um filho abandonado pelos Pais então deixem que a dupla Fla-Flu o adotem!

Abraços,

Rod Torres