O Dia D

10/10/2017

Por: Batom Futebol Clube

Depois de assimilarmos todos os babados da trigésima cerimônia de casamento de Marina Ruy Barbosa e seu piloto/empresário, chegou o dia mais importante do mês de outubro para o futebol sul-americano. Às 20h30 desta terça-feira (10), as dez seleções do continente entram em campo no considerado “Dia D”!

O Brasil de Tite – único classificado até agora – também encara seu confronto como decisivo. A liderança isolada com seus 38 pontos não vai impedir que os jogadores deem o seu melhor. Afinal, mostrar serviço sempre será primordial na hora da da lista para o Mundial.

Mas, além disso, a Seleção Brasileira pode contribuir para outro feito nesta noite. Com as outras seleções emboladas na tabela, uma vitória do Brasil diante do Chile pode complicar a vida da Argentina, por exemplo. Não depende da gente, claro. Mas o resultado no Allianz Parque pode interferir, sim, na vida dos hermanos. Não vamos fazer as contas aqui, porque isso vocês olham na tabela, né? Mas a situação da equipe de Messi é: 25 pontos, na sexta posição (não é nem na repescagem). Eles enfrentam o Equador, já eliminado. A briga está diretamente com Peru (25) e Colômbia (26), que jogam em Lima, e estão à frente deles. Portanto, uma vitória garante a Argentina, pelo menos, na quinta posição – o que a deixará disputar a vaga na repescagem. Se não vencer, aí o bicho pega!

Enquanto isso, vocês acham que Tite e seus jogadores dormiram tranquilos esta noite? Dormiram aliviados, claro. Afinal, não tem pressão pela vaga (fantasma que estava nos assombrando desde o fatídico 7 a 1). Enfim… passou. E passou bem, obrigada! Com esse alívio, a Seleção entra em campo hoje podendo comemorar sua reestruturação diante de sua torcida e com a certeza de que o trabalho seguirá sendo bem feito até a estreia na Rússia. A principal novidade é Ederson no gol. É uma ótima oportunidade para testar a posição em que mais se tem dúvidas para o Mundial. Com a lesão de Thiago Silva, Marquinhos será titular e capitão (o 13º no rodízio com Tite). De resto, nenhuma mudança em relação ao time que empatou em 0 a 0 com a Bolívia na última rodada.

E então, todos preparados para essa rodada decisiva? Que comecem os jogos!

*Créditos das fotos: Pedro Martins/Mowa Press