Game over Brasileirão

Game over Brasileirão

Já tem campeão e falta o Z4

Habemus Campeão! Em vez da fumaça branca subiu a verde para anunciar o deca campeonato brasileiro do Palmeiras. Pobre Vasco! O time carioca ficou em uma verdadeira sinuca de bico: vencer o Palmeiras e ajudar o Flamengo ou perder e seguir ameaçado pelo rebaixamento. Alternativa B, mas não por vontade própria. Mesmo precisando fazer pontos o Vasco não foi páreo para o #porcocampeão. Agora, na última rodada, o Vasco precisa pontuar contra o Ceará fora de casa para não ser rebaixado pela 4º vez. Pikachu, expulso após chilique no fim do jogo contra o Verdão, desfalca o time. O Palmeiras acumula 21 jogos invicto graças a chegada de Felipão, que mesmo “velho” para alguns, mostrou o quanto de lenha ainda tem para queimar. O Palmeiras chega ao seu 10º título de campeonato brasileiro.

Enquanto o Palestra comemora, o Flamengo, mais uma vez, ficou no cheirinho! Nem mesmo a excelente vitória em cima do Cruzeiro no Mineirão aliviou a frustração pelo vice. No jogo apareceu novamente a já tradicional lei do ex. Peléverton Ribeiro guardou duas vezes sendo o primeiro gol uma verdadeira obra prima. Mais um ano melancólico para o Flamengo. A administração Bandeira de Melo, que em seis anos conquistou apenas uma Copa do Brasil e dois estaduais, gastou um caminhão de dinheiro e ganhou 6 anos de puro cheirinho!

Ainda na base do sofrimento, a última vez que o Fluminense venceu uma partida, o então presidente eleito, Jair Bolsonaro, ainda era candidato. Talvez paraquedista. O tricolor enfrentou o Internacional em Porto Alegre e novamente decepcionou. Com dois gols de Nico Lopes o Colorado garantiu o 3º lugar no campeonato. Já o Fluminense agora precisa de uma vitória ou um empate diante do América/MG em casa para não ser rebaixado. Antes encara o Atlético/PR pela sul-americana precisando tirar uma diferença de dois gols, ou seja, a semana tricolor será mais tensa do que fazer carinho em pitbull.

 

Por fim o Botafogo enfrentou o Paraná em um jogo que não valia absolutamente nada. Com o fogão livre do rebaixamento e o Paraná rebaixado, a partida marcou a despedida do grande goleiro Jefferson. O grande ídolo alvinegro esteve em campo em 459 jogos do Botafogo e se tornou o terceiro jogador que mais vestiu a camisa do clube atrás apenas das lendas Garrincha e Nilton Santos. O Botafogo venceu o jogo, mas o resultado em si pouco importa. Valeu Jefferson!

É bom lembrar que o Vitória (Não se sabe por que do nome) empatou com o Grêmio em casa e caiu para a série B.

Se quatro caem no abismo do rebaixamento, outros quatro chegam ao céu da série A: Fortaleza (campeão), CSA, Avaí e Goiás disputarão a primeira divisão em 2019. Parabéns !!!

 

Ah claro! Não podemos deixar passar batido as cenas lamentáveis na Argentina. Depois de apedrejarem o ônibus do Boca Juniors a caminho do Monumental, o que causou uma lesão no olho de Pablo Pérez e Gonzalo Lamardo, a partida teve de ser, em primeiro momento, adiada e depois suspensa até que uma nova data seja programada. Uma reunião nesta terça-feira definirá o futuro da final entre River e Boca.

https://www.facebook.com/cruzouegol

https://www.twitter.com/cruzouegol1

https://www.instagram.com/cruzouegol

 POR: MAYCO COSTA, ABSALAN SILVA, FLÁVIO BRITO E LUCAS LIECHENSTEIN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>