Quem espera sempre alcança!

Quem espera sempre alcança!

Mas chega uma hora que CANSA

 

Bom, primeiramente gostaria de agradecer e dizer que é uma HONRA e um privilégio estar juntos de amigos como os do Pop Bola…

Há mais de uma década de amizade com estes caras, e agora assinando uma coluna aqui no site para falar do Fluzão! “Tamo” junto RAPEIZE! Putz…revelei minha idade…

Mas o título não é com relação à minha estreia aqui não, e sim ao momento do nosso TRICOLOR, aliás o único, o resto é time de três cores…

Nesta coluna de estreia, vou falar do DESASTRE que foi o último jogo do time das Laranjeiras…Foi um tropeiro, quer dizer, um vareio…

Até que no 1º tempo o Flu jogou de igual para igual com a mineirada, uma zaga jovem e sem alguns VÍCIOS, mesmo tomando 5 gols ainda é melhor que o Gum Guerreiro e Renato Dente de Ouro Chaves… Os volantes continuam os mesmos, HORRÍVEIS, para mim Richard é marca de roupa masculina e o Douglas acha que joga no futebol francês, lentidão pura… Meio de campo, eu não posso comentar porque não tivemos ninguém por lá desta vez… No ataque, se não fosse o Pedro, eu não sei o que seria do Flu. Por fim, no gol, o nosso querido JC, que não é Jesus Cristo, mas faz lá os seus milagres, segundo meu brother, Thiago Caruso, lembrou o Castilho “Leiteria” com 2 bolas na trave que ele nem viu…

Ainda sobre o jogo, já no segundo tempo foi uma cagalhufa só. Abel tirou os laterais (por lesão, diga-se de passagem, mas tirou mesmo sabendo que não tinha levado nenhum lateral reserva) e colocou o Pablo Belina e o João Carlos, que nem jogador é…  Abel chamou de vez o CAM para cima do próprio time. Não deu outra: o Flu acabou tomando mais uma sacola… Terminamos o jogo com 50 defensores e 2 atacantes. Sem nenhum lateral! Parabéns, Abel! O visionário…

 uol esportes

Apesar de toda esta desgraça, ainda tenho esperanças de que verei aquele FLUMINENSE vencedor de volta, não nesta gestão, claro, mas com pessoas sérias na diretoria, que sejam verdadeiramente tricolores e que não pensem em si próprios…

Meu maior medo é o de que em vez de crescer, o Flu esteja perdendo torcedores, crianças e adolescentes estão deixando de torcer… Onde estão aqueles 100.000 tricolores da final da Libertadores? Um dos problemas é que nestes últimos anos, o Flu mandou todos os seus ídolos embora. Sem ÍDOLOS, um clube de futebol não sobrevive! Principalmente para os seus torcedores mirins… A torcida também não pode ser considerada como um problema e sim como a SOLUÇÃO deles…

O verde da ESPERANÇA, é o último que morre! Dias melhores virão…

A BENÇÃO João de Deus!

Kabessa Tricolor